Pedagogia do eLearning

MEHANNA, W.N., (2001), Networked Learning Conference 2004: The Pedagogies of e-learning. [Individual research paper]. Disponível em: http://www.networkedlearningconference.org.uk/past/nlc2004/proceedings/individual_papers/mehanna.htm

Artigo escrito por Wassila Naamani Mehanna, apresentado no âmbito da Networked Learning Conference 2004, assume a forma de relato dos resultados de um estudo empírico, multi-caso, que analisou (com recurso a um modelo para análise do conteúdo pedagógico de discussões on-line – MAPCOD) conferências on-line, enquadradas em quatro diferentes programas de pós- graduação, em quatro universidades do Reino Unido. Esta investigação serviu para, além de dar resposta à carência de estudos desta natureza sobre o e-learning, testar a taxonomia dos objetivos educacionais de Robert Marzano (baseada nos princípios construtivistas do conhecimento). A exposição desenrola-se sob os seguintes tópicos: Technology and pedagogy: how much do we know?, Technology and pedagogy: how to go?, Theoretical framework for the content analysis of online classrooms discussions, Data preparation and coding, Statistical Findings e Conclusion and Implications. Desta análise, centrada no aspeto pedagógico do e-learning no ensino superior, emergiu um modelo de 29 comportamentos pedagógicos que sugerem quatro grupos de pedagogias correlacionados com as notas dos alunos, que segundo a autora, são dignos de incluir (e na esperança que incentivem à sua utilização por parte de tutores on-line ou e-pedagogos) no ensino on-line e nos processos de aprendizagem.

O interesse encontrado neste artigo é, na minha ótica, relativo a três ordens de fatores: o primeiro, porque releva da necessidade da existência de estudos empíricos sobre o processo ensino-aprendizagem do e-learning e do “aumento” do nosso conhecimento sobre a relação entre a tecnologia e a pedagogia; o segundo, porque remete, conquanto indiretamente, para a procura da aplicabilidade de modelos pedagógicos do e-learning (neste caso, do modelo construtivista) e, em terceiro, leva-nos a interrogarmo-nos sobre a existência de coexistência, ou não, de diferentes gerações de pedagogia(s) (não sendo este, porém, no meu entender, o sentido de pedagogias do título do artigo, mais adequado a estratégias pedagógicas)  de ensino à distância, no seio de um mesmo curso online. Salientaria, finalmente, parte da citação, feita pela autora, de Wilfred Carr “In general it is the pedagogy that provides for learning, not the technology or the software.”, que supõe uma discussão contrapondo diferentes pontos de vista sobre a aprendizagem e o ensino, nomeadamente, entre o Construtivismo e o Conectivismo.

Anúncios

2 thoughts on “Pedagogia do eLearning

  1. Quanto a este segundo, também estive para comentar este artigo, mas depois optei por outro, poque achei que isto era um estudo de casos múltiplos que, embora interessante, não seria tão relevante como outros e como só podíamos escolher 2…. Conseguiste, no entanto, justificar muito bem a tua escolha.
    Quero, porém, destacar a citação que fizeste no final da tua análise: “In general it is the pedagogy that provides for learning, not the technology or the software.”. Pelos vários artigos que já li, esta é uma discussão recorrente, pelo menos vários autores já se referiram a ela, ou seja, é a pedagogia utilizada que determina a aprendizagem e não a tecnologia. Mas também me parece que todos estão de acordo quanto a este pressuposto…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s